Cornetagem

Inspiradxs nos cornetas do futebol, chamamos nossa coluna de crítica de mídia de Cornetagem. Aqui, publicamos textos com análises críticas da cobertura da mídia esportiva, de campanhas publicitárias e outros acontecimentos do mundo esportivo a partir de uma perspectiva de gênero.

Análise de campanha: O discurso pós-feminista da Nike na campanha Motherhood (M)

Recentemente, a Nike lançou a campanha Motherhood que basicamente fala de empoderamento, gravidez e mulheres atletas. O fato que a marca lança a campanha depois do polêmico cancelamento de patrocínio de atletas durante a gravidez nos faz questionar o tipo de empoderamento proposto. Em nossa análise, associamos o discurso da marca à ideia de sensibilidade pós-feminista.

Crítica de mídia: Galo Feminino usa atletas do masculino em divulgação de jogo no Instagram

Recentemente, o Instagram oficial do time feminino do Atlético-MG usou o jogador Hulk numa divulgação de um jogo das Vingadoras. A ação não teve respostas negativas de torcedores, mas nos fez refletir sobre a necessidade do uso de figuras masculinas para validar o futebol de mulheres no Brasil. Isso é necessário? É ideal? Será que o Galo utilizaria uma atleta mulher para divulgar o time masculino?

Crítica de Mídia: Quem é Leila Pereira para o jornalismo brasileiro?

Neste texto, analisamos o tratamento dado à Leila Pereira, presidente do Palmeiras, pelo jornalismo brasileiro. Focamos numa comparação entre duas reportagens/perfis da Veja São Paulo sobre Leila e Paulo Nobre, ex-presidente do mesmo clube, para desvelar os sentidos atribuídos pela mídia para as mulheres do futebol.

Análise de campanha: “Veio Pra Ficar” da Avon e o futebol feminino

Em 2019, a marca de cosméticos Avon lançou a campanha “Veio Pra Ficar”. Buscando promover o empoderamento feminino através do maior campeonato de futebol da modalidade, a empresa escolheu a jogadora Marta para ser a garota propaganda do lançamento do Power Stay, uma nova linha de produtos de beleza. Através da figura de Marta, a marca utiliza o lema da campanha para relacionar o tempo estendido de fixação do batom. 

Análise de campanha: Novas fadas, a parceria entre Rayssa Leal e a Nike

Rayssa Leal, skatista brasileira, protagonizou a nova campanha da Nike. “Vai No Novo” tinha como objetivo convidar as pessoas a verem o esporte de uma forma diferente, além de difundir o skate feminino e inspirar outras meninas a praticarem essa modalidade. A empresa também fez uma parceria e lançou um modelo de tênis da sua marca Nike SB, voltada para o público que anda de skate.

Crítica de mídia: Richarlyson Barbosa, uma carreira vitoriosa marcada pela homofobia

Richarlyson Barbosa Felisbino, de 39 anos, natural de Natal, no Rio Grande do Norte e é ex-jogador profissional de futebol. Apesar da passagem vitoriosa por grandes clubes do futebol nacional como atleta, nem sempre esse foi  o motivo para que seu nome fosse citado na mídia. Em 2005, época em que atuava como meio-campo do São Paulo, o atleta sofreu o que seria o primeiro de muitos casos de preconceito que viriam ao longo de sua carreira.

Crítica de mídia: A cobertura midiática do esporte feminino no Brasil

Quem é a maior judoca brasileira de todos os tempos? Quantos prêmios a jogadora Marta já ganhou? Quais brasileiras já foram campeãs do UFC? Qual é o atual técnico da seleção brasileira de vôlei feminino? Quem são os destaques no tênis feminino? É provável que poucas pessoas saibam responder a todas essas perguntas.

#PedeA24 - MullenLowe Brasil

Análise de campanha: #PedeA24 e a homofobia no futebol brasileiro

A campanha #PedeA24 foi criada em 2020, pela agência MullenLowe Brasil para a revista Corner, com o intuito de questionar e romper um tabu presente no futebol brasileiro: o não uso da camisa com a numeração 24. A revista enfatizou o fato de nenhum jogador usar essa numeração na camisa e como os clubes também evitavam a sua utilização, exceto em competições da Conmebol, por questões de regulamento. Mas o que o 24 tem a ver com tudo isso?

Divulgação Guaraná Antarctica

Análise de campanha: Guaraná Antarctica e o futebol feminino através da “Doe Seu Clichê”

Guaraná Antarctica, como marca genuinamente brasileira, não poderia deixar de associar seu produto com um grande símbolo nacional: o futebol. De acordo com seu site oficial, o Guaraná Antarctica é patrocinador oficial das seleções feminina e masculina de futebol desde 2002 — segundo acordo assinado pela Ambev (detentora da marca) com a CBF.

Crédito: Quality Sport Images

Análise de campanha: Jogadora Marta para o batom da Avon

Em 2019, a Avon lançou sua campanha “Veio Pra Ficar”, que marca o lançamento do batom Power Stay. A ação contou com a jogadora Marta como protagonista. Ela que é a camisa 10 da seleção brasileira, também é a maior artilheira dos mundiais e eleita pela FIFA como a melhor jogadora do mundo por cinco vezes consecutivas. Além disso, é importante ressaltar o quanto Marta tem sido símbolo na luta por equidade de gênero no meio esportivo e o quanto sua imagem é representativa quando falamos de mulheres no futebol.